Cereal Killer Cafe!

Uma das coisas  mais legais de morar em Londres é a quantidade de coisas novas que aparecem na sua frente todos os dias. O Cereal Killer Cafe não apareceu literalmente na minha frente, mas sim na tela do meu computador em um artigo da Vice que despertou o meu interesse em conhecer o lugar. Afinal, quem conseguiria manter o seu lado hipster sossegado ao saber da existência de um café DE CEREAIS. Um lugar que vende praticamente todos os cereais britânicos, americanos e ainda algumas opções do mundo inteiro?! E você ainda pode escolher toppings e seu tipo favorito de leite para acompanhar?! Desculpem-me, mas o meu lado hipster foi a loucura.

16202133610_2426babb69_z

 

O café fica em Brick Lane, em meio aos muitos outros cafés (hoje em dia quase desertos, devido a popularidade do Cereal Killer) e brechós que ocupam a avenida. Fui em um sábado na hora do almoço (olha só que grande exemplo! almoçando cereal! mãe e pai, caso estejam lendo isso, prometo que foi apenas uma vez viu) e havia uma fila na frente. Uma fila consideravelmente longa e uma aglomeração de curiosos em volta, todo mundo querendo entender o que realmente acontecia lá dentro.

 

 

16387797051_1afccf56af_z

Uma vez lá dentro, havia caixas de cereal por todos os lados! Muitas. Todos os sabores possíveis, muitos cereais temáticos (olha que lindo esse do Star Wars na foto acima!) e eu que já sou indecisa por natureza, fiquei completamente perdida na hora de escolher o meu cereal.

16388614232_ff93dda292_z

A decoração do café também é bem legal e descontraída, combina bem com a proposta.

16387796821_bf249a2537_z 16388618412_1b403718ac_z

No cardápio: muitas opções! Os cereais ficam divididos por país, depois você escolhe os toppings, ou seja, as coberturas. São muitas opções que vão desde chocolates até biscoitos e granulados coloridos. Eles também servem torradas com spreads tipo manteiga, nutella, peanut butter… O que você escolher. E bebidas, muitas opções quentes e geladas.

16387793401_ccd07dc32b_z

Você faz o pedido no balcão e eles preparam tudo ali mesmo na sua frente. Você paga e segue com a sua bandeja para uma das mesinhas. O café não é muito grande, são algumas mesinhas no andar de cima e mais algumas no andar de baixo que é bastante escuro.

16363565396_b1b8dea244_z 16203316459_bc453b5117_k 16388616722_9c69974c9d_z

Aqui nossas escolhas! Eu e minha amiga pedimos praticamente a mesma coisa. Eu escolhi uma tigela média com dois tipos de cereal: um cereal DELICIOSO de avelã francês + cereal da Hershey’s cookies & cream + um happy hippo da kinder (esse hipopótamo que é muito bom, recheado tipo um kinder bueno!) + pedacinhos de oreo + uma torrada com nutella para cada uma e um chocolate quente. #Abusos Tudo muito muito muito muito bom.

16389536235_d7221a5097_z 15767084104_4ed6aacec6_z 16388615902_797b93bb7e_z

 

Adorei a experiência do Cereal Killer, amo lugares que nos oferecem mais do que apenas a comida. Rola todo um hype – que eu considero positivo – em torno do café que faz com que uma simples refeição transforme-se em uma passeio legal. Não é um café que eu iria sempre, até porque enjoa, mas acho divertido ter a opção de ir à um lugar assim toda vez que sentir vontade de cereal! Eu super indico para quem estiver de passagem por Londres e quiser fazer uma refeição diferente =)

Cereal Killer Cafe
139 Brick Lane
London
E1 6SB
7 am – 10 pm

O que vocês acharam da ideia?

Nicole

Richard Serra @ Gagosian Gallery

Hoje vim relatar a minha visita à Gagosian Gallery para ver a exposição do Richard Serra.

Nunca havia ido à Gagosian Gallery (eis aqui um grande erro, pois por lá acontecem exposições bem legais, inclusive já peguei o calendário para não perder as próximas) e gostei bastante da galeria que visitei, que fica em Kings Cross. A Gagosian Gallery existe em outras cidades também como Nova Iorque, Roma e Atenas. Aqui em Londres são duas e por enquanto só conheço a de Kings Cross.

15748629474_3641822820_z

A exposição em questão é do escultor Richard Serra. Já conhecia algumas esculturas dele através de fotos na internet, como essa que fica permanentemente em Berlim e foi feita em memória daqueles que perderam suas vidas durante o nazismo. Essa foi a primeira vez que vi suas esculturas ao vivo e confesso que fiquei muito bem impressionada.

16183440298_a4e60bce29_k

Eram quatro ambientes com esculturas bem grandes – algumas tão imensas que você passava por dentro, como um túnel. A cada sala que eu entrava, era como se fosse possível sentir a densidade do ambiente. As esculturas realmente interagem com o espaço de forma a mudá-lo completamente,  em termos visuais e também atmosféricos. Cada ambiente é unicamente especial, mas é o conjunto de tudo que me fez gostar tanto da exposição.

Richard Serra descreve a exposição como: ”Eu queria fazer uma exposição com diferentes aspectos de compressão e circulação, intervalos e elevação, formas diferentes de abordar um campo ou espaço ou contexto”. E é exatamente isso que acontece. As esculturas funcionam como objeto e espaço simultaneamente.

16183442078_4c08686792_z

Em uma sala temos blocos de aço estáticos, um em cima do outro, mas suas dimensões ligeiramente diferentes acabam por implicar movimento, por permitirem que haja luz e ar entre elas. Os dois blocos juntos tem a mesma altura da grande janela que também ocupa a sala, provando que tudo fora milimetricamente arquitetado.

16369349841_60a63b30d8_z

Captura de Tela 2015-01-27 às 20.18.43

Aqui temos o Backdoor Pipeline, uma escultura-túnel. É como que ao entrar, o espaço se comprimisse só para descomprimir-se ao final, quando você novamente encontra a luz na saída que lhe era invisível quando de pé em frente a entrada. Essa foto acima é um bom exemplo das ‘brincadeiras’ de luz possíveis quando dentro do túnel.

16183441688_e80094e971_z 15751086853_2d9667bcf2_z 16184854379_f5c405088e_z 15748631864_7890e2e30d_z 15751085113_7e9fcf25d6_k 16183439418_43813a1552_k 16183689450_c9dd61405b_z 16184850619_55ab757839_k 16184851819_38fcf8ef4d_z 16185199637_2bd04df98c_k 16185200397_d95b6d4e59_z 16371072135_f0bea18310_z

 

Agora, sobre o look:

Estava com uma amiga que tira ótimas fotos (oi Io! <3) e aproveitamos para tirar fotos após termos visitado cada ambiente duas vezes (sim, é tão incrível que você não quer ir embora nunca).

O meu look estava bem coordenado com as cores da exposição: cinza, preto e esse tom de ferrugem da bolsa que é muito parecido com o tom do túnel. Achei isso bem legal, deu para abusar bastante das esculturas como cenário haha.

O look era relativamente simples e em tons sóbrios, refletindo bem a forma como eu ando me vestindo nesses dias de inverno. Por baixo uma combinação bastante neutra: blusa preta e shorts preto com meia calça. Esse shorts foi uma das peças que ”resgatei” na minha ida ao Brasil e não acredito que não tinha colocado ele na mala na 1a vez! haha. É um shorts perfeito: cintura alta, curto na medida certa e ainda por cima de couro, fazendo ele se diferenciar dos outros shorts do meu guarda roupas que são em grande maioria jeans. To usando muito agora que trouxe!

O casaquinho era da minha mãe e ela me deu para usar aqui. Amo muito ele principalmente por causa das mangas aveludadas com esse bordado lindo! É tão diferente, né? Adoro usá-lo por baixo de casacos, assim consigo adicionar uma manga bonita a peças mais básicas.

Créditos:

Choker – Asos
Cropped top – Asos
Casaquinho – Les Filós
Shorts de couro – She Inside
Bota – Oasap 
Bolsa – Zara

E aí, o que acharam da exposição e do look?

Nicole

Temaki & Tea

Ontem foi sexta feira e eu combinei de passar a tarde com uma amiga, a programação foi: almoço e visita à uma exposição de arte. Estava morrendo de saudades da Yoobi, a única temakeria que encontrei em Londres.

Descobri o Yoobi quando estava com amigos brasileiros aqui em julho. Estávamos desesperados por um temaki e resolvemos procurar no google, foi aí que soube da existência da Yoobi e desde que fui pela primeira vez não consigo parar de frequentar. É bom demais! O cardápio é relativamente simples: são vários sabores (alguns bem exóticos tipo esses que a minha amiga pediu na foto abaixo) e você escolhe se quer em forma de temaki ou de rolls.

16167882569_2fedf7858d_z 16167882129_41be833fa7_z

Eu sempre faço o mesmo pedido: temaki e rolls de scottish salmon que seria o equivalente a um ”salmão simples” no Brasil, que sempre foi o meu favorito. Para mim, quanto mais simples melhor. Tudo é maravilhoso e o ambiente também é bem gostosinho, bem moderninho e no meio do Soho que é um bairro incrível.

O legal é almoçar lá e depois sair para um passeio pelos arredores. O Soho é cheio de restaurantes, cafés e lojas interessantes (algumas beem exóticas).

Yoobi
38 Lexington Street, London W1F 0LL
+44 20 7287 9442


16354073685_c79b2b18c4_z

A segunda parada gastronômica do dia foi uma casa de chás muito charmosa: a Yumchaa. Eu não era muito de tomar chá, mas quando cheguei comecei a ser oferecida chá em situaçõe sociais e fui pegando gosto. Hoje em dia gosto bastante e tomo sempre, seja em casa ou em cafés. Acho uma ótima opção para essa fase mais ”saudável” da minha vida em que estou tentando evitar comidas/bebidas muito calóricas sempre. Como anda muito frio para tomar sucos gelados, chá anda sendo minha primeira opção!

16328124186_8fc8325b78_z

Agora que descobri a Yumchaa ainda… Estou mais apaixonada por chá ainda! A casa de chás é um charme só: muitos sabores para você cheirar e escolher qual vai querer (os chás ficam em potinhos perto do caixa, muito fofo) e um ambiente muito gostoso, ideal para sentar e ficar conversando em dias sem pressa alguma.

16167882019_972bd47ed1_z 15734121143_a1319f5d88_z

O bule vem encaixadinho na xícara, muito fofo.

16353203142_4003f0a359_z

Eu escolhi o sabor strawberry vanilla. Muito gostoso e leve, apesar de ter aroma de baunilha. Optei por não colocar açúcar nem mel e ficou delicioso mesmo assim. Queria estar tomando uma xícara dessas agora haha.

16354074455_ecb2ce290b_z 15731653224_8ba61312b5_k

 

Yumchaa
Berwick Street Market
45 Berwick Street, London

Tirei muitas fotos na exposição e também fotografei o meu look por lá, então decidi fazer dois posts separados!

Espero que tenham gostado das dicas

Nicole

Inspiration

Fiz essa promessa de postar diariamente no blog e agora estou correndo atrás de ideias de pauta para conseguir manter o ritmo haha. Fiz planos interessantes para o final de semana que acho que vão render fotos legais de Londres + looks, então aguardem por posts mais interessantes em um futuro próximo =)

Por enquanto pensei em dividir minhas inspirações da semana por aqui! Sou bastante ativa no Pinterest e estou sempre salvando looks ou detalhes fashion para me inspirar e isso me ajuda muito a não deixar a peteca cair na hora de montar looks interessantes de manhãzinha. Alguns dos looks não são tão apropriados para o frio (adapto usando um casacão por cima/meia calça/etc), mas é ótimo pois assim quem está no calor também pode se inspirar e o post não fica chato haha.

Detail at Dolce & Gabbana F:W 12

Para começar, um detalhe maravilhoso do desfile F/W 12 da Dolce & Gabbana que vem diretamente da alta costura internacional, mas é super adaptável para nossos guarda roupas. Trata-se do truque fashion de usar uma meia interessante com um sapato aberto. Sei que dá um pouco de medo, mas olha que lindo que fica! Imagina essa combinação da foto com um vestido preto básico para balancear! Vale qualquer estilo de meia. Eu achei uma graça com essa meinha transparente porque ficou bem delicado. Uma boa ideia para começar é usar o sapato com uma meia preta transparente fininha sem estampa, e depois ir evoluindo para outras mais marcantes.

02bf53698df49f70473b00443299f092

Look muito fácil de reproduzir, basta combinar um sweater curto (digo curto pois a maioria dos sweaters que tenho são bem oversized!) com uma saia tubinho e acessorizar como quiser. Estou pensando em investir em algo assim para o final de semana, aí é só vestir um casacão quente por cima e voilà!

6fb0cc07f57f5e5784e464cca69904de

Muito simples e muito lindo! A receita também é mais fácil do que receita de miojo (ia falar bolo, mas nem todo mundo sabe fazer bolo né…). Achei esse shorts uma graça, pois apesar de ser de cintura alta, não é tão curto quanto a maioria dos modelos. To doida para achar um assim.

563688a8619b2654cddc012376223dbe

Inspiração caseira maravilhosa ♡ PS: importante adicionar calça caso resolver ultrapassar os perímetros da residência.

0d4b374dfec97ec7cb2ac559bcc89330

Olha… Acho que se pudesse escolher qualquer look do meu post de inspiração para se materializar no meu armário, o escolhido seria esse conjuntinho mara de veludo da Alexa Chung. A belezinha em questão foi usada por Alexa em um jantar em Londres e trata-se de um conjuntinho da Saint Laurent. Possuo um blazer de veludo vinho (esse aqui), fica faltando a saia combinando haha.

1870a2765cad92cbea56ab5166a1d38c

Esse look tem zero a ver comigo. Eu sei disso. Mas sabe quando a gente simplesmente ama algo e não sabe explicar direito porque? Não gosto desse modelo de bolsa da Louis Vuitton meio brilhante, ainda mais em branco e também não sou a maior fã de renda nessa versão sofisticada, mas gostei. Gostei e pronto. Queria esse sapato para usar com calça de couro e camiseta de banda hehehe.

1e5da9c6e6295d9f4d89576ebc336f10

Minha reação inicial ao ver isso foi: !!!!!. Muita lindeza para uma combinação só. Sou 100% devota a camurça, ainda mais nesse tom caramelo-velho-oeste. Essas três franjinhas foram o adorno perfeito e ainda não achei palavras para descrever o que sinto pela estampa desse shorts no qual eu me visualizo dirigindo um conversível vermelho em alguma estrada no Texas.

9ac1f32287da78d235665e8f0f72b7e3

 

E para terminar mais uma inspiração linda e acessível, apesar de um tanto quanto inusitada. Adorei o insight de combinar um mom’s jeans com camisa delicada branca, jaqueta de cowboy e finalizar com um sapatinho de cano baixo ao invés de uma previsível bota. Gostei muito, muito e admito que quero e irei copiar.

Qual foi o look favorito de vocês?

Nicole

Look: franjas, muitas franjas!

Como vocês provavelmente devem imaginar considerando a tímida quantidade de roupas que estou trajando, esse look foi usado em São Paulo. Bom ainda ter alguns looks da viagem para postar porque daqui pra frente só vão rolar looks de frio por aqui! Tá fazendo bastante frio. Frio tipo ‘luvas-gorro-cachecol-várias-camadas’ e eu vou admitir que adoro, acho uma delícia sair na rua e sentir o vento gelado no rosto (lógico que esse sentimento positivo é causado por eu estar devidamente agasalhada). Mas enfim, vamos focar no look calorento que hoje o post é dele!

16143103167_7e20409245_k 16303026746_505fd776b3_k 16328974845_0a8ea23afb_k IMG_2539Usei esse look para almoçar e passear por São Paulo e optei por peças bem frescas, mas não fresca demais. Eu até gosto de sandálias e rasteirinhas, mas esse amor é limitado e tem uma hora que simplesmente preciso usar bota. Digamos que o pé não seja meu maior ponto de sensibilidade térmica, então uso bota sem problema algum durante o verão – ainda bem. Mas é lógico que aí é preciso balancear: botas nos pés, mas uma regatinha bem fininha e shorts jeans curto no resto do corpo.

O colete é um tantinho quente, mas provei o look sem ele e simplesmente não ficou legal, sabe? Ficou simples demais, com cara de que estava pedindo um complemento. Aí eu lembrei desse colete lindo que levei na mala pensando em incrementar meus looks de verão. Nada como um pouco de camurça e franjas para melhorar a coisa toda! E franjas nunca são demais, certo? Então adicionei também a bolsa toda franjada que me dá até um aperto no peito só de pensar que eu esqueci ela em São Paulo :`(

Créditos:

Colete – vintage
Regata – Topshop
Shorts – Urban Outfitters
Cinto – Levis
Botas – LF Store

Curtiram o look?

Nicole

1 2 3 286