Randoms

Não vou nem me estender muito na introdução porque o post com as randoms da semana passada vai ser longo!

Processed with VSCOcam with b5 preset

Quando cheguei em Londres fiquei um tempo sem praticar nenhum esporte, aí me mudei para um prédio com academia e comecei a frequentar, mas a verdade é que eu não tenho muito saco pra academia, acho muito monótono ficar lá fazendo a mesma coisa por muito tempo. Antes de me mudar pra cá eu estava viciada no muay thai, fazia 3x por semana e notei muitas mudanças positivas no meu corpo, na minha saúde e no meu estilo de vida. Resolvi então que a melhor coisa a se fazer era procurar uma academia de muay thai e voltar a praticar! Encontrei a Ko Muay Thai que é uma das melhores de Londres (eles tem várias unidades, uma inclusive bem perto da minha casa) e me apaixonei! O ambiente é grande, o professor me pareceu  ótimo e eles têm bastante alunos em diferentes níveis. Comecei a praticar lá e estou adorando!

Outra coisa legal é que você pode pagar por aula ao invés de fazer um plano mensal, então para alguém que vier passar um tempo menor em Londres e quiser praticar, é uma boa opção! Eu fiz o plano mensal porque compensa mais para mim que pretendo ir 3x por semana.

Ko Muay Thai
http://ko-muaythai.com/

IMG_6083Essa é uma das minhas comidas favoritas! Não parece tão atraente na foto quanto outras que eu já postei, mas sou completamente apaixonada por esse salmão teriyaki que peço na Japanese Canteen. Sempre peço o salmão e esse chá verde gelado e a combinação é deliciosa e leve, perfeito pra comer no dia a dia. Me sinto um pouco estranha dando tantos detalhes sobre minha relação com comidas, mas já que esse é um post estilo diário…

Eles também servem outros pratos deliciosos nesse restaurante, que é uma cantina japonesa que serve uma variedade enorme de pratos quentes e alguns combinados de sushi também, mas raramente peço sushi lá, vou pra comer os outros pratos mesmo.

Japanese Canteen
100 Middlesex Street London E1 7EZ

Randoms3Na sexta feira de manhã finalmente entreguei meu projeto final do Foundation! Aí estão algumas fotos da minha maquete que muitas me pediram para ver! :) A ideia foi reproduzir um stand de customização que ficaria dentro da Topshop, então por isso essa mesa gigante no meio com todas essas pecinhas que representam as opções de customização. Alí no canto todo brilhante é um photobooth para os clientes tirarem fotos com suas peças customizadas e no outro lado fiz um mural com as fotos tiradas na máquina que servem como inspiração para outros clientes que forem customizar peças. Ficou simples, mas acho que ilustra bem a ideia.

Randoms1

E aqui algumas fotos do Business Plan que entreguei junto, explicando todos os detalhes da minha ideia e incluindo toda a parte de público alvo, formas de divulgação dentro e fora da loja, exemplos de anúncios que criei, layouts de instagram/site/etc e mais muitas outras coisas!

IMG_6257Depois de entregar meu trabalho as 17h da sexta, fui praticamente direto pra um show fechado do The Kooks que rolou em parceria com a Vevo e foi a melhor forma de encerrar um dia de tanto nervosismo (juro gente, fiquei até o último minuto arrumando cada detalhe e rezando pra não ter esquecido nada!). O show foi incrível, amo shows pequenos porque consigo ver perfeitamente o palco e tenho espaço pra dançar!

IMG_6303Esse foi meu look do show! Vocês me pediram para começar a fotografar meus looks noturnos, então como nunca estou com a câmera quando saio a noite, vou postá-los nessa tag com fotos de celular mesmo. Escolhi um look bem básico e confortável pra curtir bastante: calça jeans rasgada, bota com salto baixo, cinto western, blusinha com transparência (dava pra ver bem o top que eu estava usando por baixo, mas na foto não mostra tanto a transparência) e a minha camisa favorita por cima. Ainda usei um chapéu, mas meu corpo não cabia inteiro no espelho pra caber a cabeça com o chapéu haha, mas é aquele com os detalhes western que eu ando usando muito!

IMG_6308No sábado fui almoçar com as minhas amigas da faculdade em um restaurante delicioso, o Le Relais de Venise L’Entrecôte! Precisávamos comemorar a entrega do projeto e não havia forma melhor de celebrar do que com um belo filé com batatas fritas. Eu sou simplesmente APAIXONADA por L’Entrecôte, é tipo a minha comida favorita da vida. Sempre ia no L’Entrecôte em São Paulo com a minha mãe que também ama e fiquei feliz quando achei um igualmente delicioso por aqui. Nhami, salivei só de olhar essa foto!

 Le Relais de Venise L’Entrecôte
120 Marylebone Ln, Marylebone, London W1U 2QG

Random2No domingo, para finalizar a semana com chave de ouro, fui com as minhas amigas na London Wonderground, uma attractions fair super charmosa que está rolando por aqui! Eu estava louca para ir nessa atração em que você ‘voa’ (foto 1) desde que vi ela de longe quando passava pela rua. Foi bem divertido, mas confesso que não achei nada radical… É mais pela vista mesmo que é maravilhosa! Fomos na hora do pôr do sol e foi incrível ver os cartões postais de Londres com o fundo alaranjado do sol se pondo… Quase emocionante, sabe? Eu até hoje me emociono com a beleza dessa cidade e com tudo que ela representa pra mim. Mas enfim, fora essa atração também tem carrossel, shows, dezenas de barraquinhas de comida deliciosas (hamburguer, hot dog, doces, bebidas, frozen yogurt, tudo!) e muitas cadeiras de praia e bancos para você sentar para comer e conversar! Dá para passar horas lá, super recomendo o passeio.

London Wonderground
http://www.londonwonderground.co.uk/

Ufa, é isso! Espero que tenham gostado do post e uma ótima semana a todas!

Nicole

Look: my tshirt!

Já comentei por aqui sobre a camiseta que criei como parte do meu projeto final da faculdade, né? Eis que resolvi fazer também um photoshoot vestindo para criar a parte publicitária, tipo os anúncios e os banners. Explico: a minha ideia de fashion business foi criar o conceito de um stand de customização de peças que ficaria dentro da Topshop e onde você poderia customizar as peças que comprou lá. Então para isso criei toda a parte do plano de marketing, uma peça modelo (a camiseta), uma maquete de como eu imaginaria  o stand e também a parte publicitária.

Achei que o photoshoot ficou bem legal, então resolvi postar as fotos aqui sem a edição que fiz para transformá-los em anúncios de revista/internet/etc. Em algumas fotos estou com uma jaqueta que foi a peça que a minha amiga criou, e ela pediu que fotografássemos a jaqueta dela também.

14908158959_e0e5f358d6_z 14908159439_fa91f59afc_k 14908276678_a886e93dd9_k 14908277518_1050574b71_k 14908278328_f98bb069c9_z 14908278398_097dc11728_k 15091830681_be290e5d2f_z 15094838395_85bb0c92c3_k Processed with VSCOcam with m5 preset 10624865_916258181722575_3972168251426221600_n

Escolhi esse beco cheio de grafittis como locação pois queria algo bem urbano como cenário e ao mesmo tempo muitas cores pra criar um clima divertido nas fotos. Já o styling foi o mais simples possível: shorts de couro e sapato preto, para a atenção ficar mesmo é na camiseta que era o que eu estava vendendo no meu anúncio.

Créditos:

Tshirt – eu que fiz
Shorts de couro – Oasap (custa 9.99 dólares!)
Sapato – Vagabond

O que vocês acharam das fotos?

Nicole

7 lições de moda com Jimi Hendrix

Toda vez que me perguntam quem eu consideraria o meu ícone de estilo, o primeiro nome que me vem a cabeça é ”Jimi Hendrix”. Sim, isso mesmo, pra mim o Jimi dá de 10 x 0 em qualquer it girl por aí e eu não me importaria nem um pouco de sair na rua todos os dias com um look dele. O estilo de Jimi era algo de fazer qualquer um sentir vontade de se trancar em um brechó por horas até achar algo que chegasse aos pés dos muitos achados vintage que ele fazia nos anos de ouro da Carnaby Street.

No primeiro post da tag tivemos Kurt Cobain e suas camisas xadrez e All Star (aqui o link pra quem perdeu), agora vamos nos aventurar no estilo boêmio-cowboy-psicodélico de um dos melhores guitarristas de todos os tempos?

1. Chapéu 

JimiHat

O chapéu é uma das  marcas registradas do Jimi que tinha PhD em customizar os seus com lenços estampados, correntes e até aplicações de pedras! Essa foi, inclusive, uma das lições fashion mais importantes que aprendi com ele, de uns tempos pra cá venho amarrando lenços diferentes nos meus chapéus pra dar uma cara nova pra eles sempre que eu quiser.

2. Military

JimiMilitary

A peça de couro mais clássica do Jimi foi sem dúvidas a sua famosa jaqueta militar  que era uma jaqueta do uniforme da Royal Veterinary Corps que ele comprou em um brechó. Há um relato na biografia dele que conta que uma vez Jimi estava usando a clássica jaqueta pelas ruas de Londres quando foi parado por um grupo de policiais que o abordaram perguntando se ele tinha noção de quantas pessoas morreram naquela jaqueta. Jimi respondeu calmamente ”What? In a Royal Veterinary Corps dress jacket?”. Os policias então ordenaram que ele tirasse a jaqueta e que esperavam que ele nunca a usasse nas ruas novamente, o que todos sabemos que não aconteceu.

3. Estampas

JimiPrints

Outro ponto forte do estilo de Hendrix é a overdose de estampas que usava ao mesmo tempo, misturando diversas peças de estampas fortes e coloridas. Eu sou apaixonada pelas camisas estampadas que o Jimi usava e toda vez que me pergunto se estou usando muitas estampas ao mesmo tempo, penso em Jimi Hendrix e a resposta é ”não, estampa nunca é demais”.

4. Lenços 

JimiScarfs

Jimi também possuía muitos lenços e sabia usá-los como ninguém. Além dos chapéus já comentados no item 1, Jimi também amarrava seus lenços em diversos outros lugares do corpo como no braço, na perna, no quadril, no cabelo e no pescoço. Nunca vi ninguém que ficasse tão bem usando lenço como ele!

5. Calça de veludo

JimiVelvet

Como se camisas estampadas e lenços espalhados pelo corpo já não fosse o suficiente, Jimi Hendrix também possuía várias calças de veludo. Ah, veludo molhado! Eis aí uma peça de roupa bastante duvidosa e que em média 1 entre cada 10000 indivíduos desse mundo ficariam bem usando. Jimi era um deles. O melhor deles, talvez. Suas calças de veludo molhado boca de sino ficavam incríveis nele, que as combinava com diversas outras statement pieces e subia no palco onde todo seu figurino fazia ainda mais sentido, embalado pelo som de sua guitarra.

6. Coletes

JimiVests

Jimi também era um mestre em sobreposições e uma das suas clássicas combinações era camisa + colete aberto. Todas as peças devidamente estampadas e com cara de recém saídas de um brechó. Só eu que morro de amores por esses coletinhos bordados?!

7. Blazer 

JimiBlazerJimi às vezes deixava seu lado cowboy hippie de lado e investia em um look mais ”moço elegante”, usando a camisa abotoada e um blazer estruturado por cima. Como bom Jimi Hendrix que era, optava sempre por blazers estampados, e o destaque fica por conta desse maravilhoso blazer verde florido. A verdade é que o Jimi ficaria bem até enrolado na estampa da cortina da minha avó. Para poucos.

Espero que tenham gostado do post e aprendido as preciosas lições de moda que Jimi Hendrix nos ensinou!

PS: se tiverem sugestões para o próximo moço a ilustrar essa tag, é só deixar nos comentários!

Nicole

Look: leather skirt

Seguindo com os resultados da pesquisa de opinião, o ”look do dia” foi apontado como o tipo de post favorito de praticamente todas as leitoras que responderam! Vou continuar postando vários looks então, mas alternando com posts de outros estilos, assim o blog não fica monotemático. Pensei também em criar algumas ‘semanas especiais’ pro look do dia que sirvam como um desafio pra mim e pro meu guarda roupa. Por exemplo, para começar queria fazer a semana do chapéu, onde passaria a semana inteira montando looks com chapéu e postando aqui com os relatos da experiência. Vocês acham interessante?

14868452550_8e2041e1fb_z 14868528438_466f287ed2_z 14868560967_6d4a803dbc_z 14868562557_533ef9c365_z 14868562907_25446ca008_z 15055116315_217a826385_k

Usei esse look na semana passada para ir à faculdade, esse muro que serviu de background das fotos fica em frente a minha faculdade e ele ganha uma arte nova praticamente todo mês. Nesse dia o muro tinha acabado de mudar, então me empolguei e quis fotografar nele! Pra ser sincera eu não gosto do desenho que fizeram, passa longe de ser o estilo de arte que eu gosto, mas achei que as cores contrastariam de forma interessante com o meu look e faria um bom cenário de foto!

Eu sou apaixonada por sweaters e pretendo usar muito agora que está esfriando! Esse modelo cinza é um dos meus favoritos, comprei logo que cheguei em Londres. Amo a mistura de tons de cinza dele e é um modelo bom para combinar com peças de cintura alta, afinal ele é bem justinho, aí rola de coloca-lo por dentro da saia.

Estava louca por uma saia de couro para esse inverno e ganhei essa linda da Abaday. No entanto, pedi o tamanho ”L” por achar que seria um modelo pequeno, mas acabou ficando grande em mim… Eu queria bem coladinha no corpo, sabe? Tinha que ter sido a M (fica a dica pra quem for comprar!). Mas achei a saia linda mesmo assim, o corte dela é bem bonito, arredondado na barra e o comprimento é perfeito para montar looks de dia a dia, não muito curta. Coloquei o meu cinto favorito e já resolveu o problema da cintura larga!

A meia calça de bolinhas virou a minha favorita nesses últimos tempos <3. Acho que usei tanta meia calça por aqui que acabei cansando das normais e comecei a querer modelos diferentes haha.

Créditos:

Sweater – Asos
Saia de couro – Abaday
Cinto – Asos
Meia calça – H&M
Sapato – Vagabond

Curtiram o look?

Nicole

Playlist

Uma das coisas que achei mais legal dentre os ‘resultados’ da pesquisa de opinião que fiz com as leitoras foi o fato de muitas de vocês terem me pedido para compartilhar mais sobre as minhas preferências artísticas (músicas, filmes, livros, exposições) e desenvolver esses assuntos no blog. Fiquei muito feliz porque adoro abordar todos esse assuntos e ando tendo bastante o que compartilhar nessa nova fase da minha vida!

Resolvi então retornar com a tag “playlist” que é uma boa forma de eu compartilhar meu gosto musical por aqui de uma forma dinâmica e divertida, e conforme for recebendo o feedback de vocês decido se posto essa tag semanal ou mensalmente. Vamos lá!

1. Pavement – Shady Lane

Pavement é uma banda americana de rock alternativo que eu conheço há mais ou menos 1 ano, mas só ouvia o álbum Wowee Zowee, até que há umas semanas atrás parei para escutar todos os álbuns direitinho e conhecer devidamente a música da banda. Não deu outra… Estou viciada e ouço os CD’s deles no repeat o tempo inteiro! Fiquei mutio em dúvida de qual música escolher para a playlist, mas estava ouvindo Shady Lane hoje no ônibus observando Londres e me fez um bem tão grande que resolvi que ela seria a escolhida. E ainda de quebra temos esse videoclipe dirigido pelo Spike Jonze, que é um dos meus diretores de cinema favoritos.

2. Belle & Sebastian – Judy and the Dream of Horses 

Belle & Sebastian é uma daquelas bandas que já são amores antigos, mas impressionantemente é uma das únicas bandas que eu nunca enjoo. Posso passar a semana inteira ouvindo que ainda terei amor no meu coração para ouvir na outra e na outra e na outra… Sou fã há uns 4 anos e nunca cansei. Essa semana andei ouvindo bastante, gosto de ouvir de manhã indo para a faculdade porque sinto que me prepara para o dia que está por vir. Gosto muito dessa música ”Judy and the Dream of Horses” e o álbum ”If You’re Feeling Sinister” também é o meu segundo preferido. Adoro a letra também… Principalmente a parte ”The best looking boys are taken, the best looking girls are staying inside. So Judy, where does that leave you?”.

3. Sonic Youth – Superstar

”Superstar” é o tipo de música que te faz sofrer por um amor que você talvez nem tenha tido, ou já tenha superado, mas a música te dá vontade se sofrer, sabe? Não sei se já sentiram isso com alguma música… Mas toda vez que ouço fico presa na história contada pela letra (que acho tão bonita!) e quando vejo estou até chorando, mas não por tristeza, apenas por pura emoção que a música às vezes causa na gente e eu que adoro sentir coisas, me entrego mesmo. Emoção é uma coisa muito pessoal, então é muito capaz que vocês ouçam essa música e ela não mexa tanto, né? Mas comigo é assim!

4. Nappy Roots - Good Day

Agora mudando totalmente o estilo musical temos ”Good Day” do Nappy Roots. Uma das minhas melhores amigas me apresentou essa música quando estava aqui em Londres comigo e me contou que ela sempre ouve no carro indo para a faculdade para garantir um dia bom! Não deu outra… Comecei a usar a música para a mesma finalidade! Quando quero dar uma animada no meu dia coloco ela bem alto e o refrão me enche de felicidade.

5. Flume & Chet Faker - Drop the Game 

E pra finalizar uma música que vem diretamente da minha playlist ”get ready” que ouço enquanto me arrumo para sair! Vocês também tem uma dessas? Uma amiga me apresentou essa música recentemente e me senti meio atrasada porque parece que todo mundo já conhece! O Flume é um australiano que faz música eletrônica e eu que não sou muito fã desse gênero, gostei. Ainda não deu tempo de conhecer muita coisa dele, mas às vezes dou shuffle enquanto me arrumo pra balada e me anima muito!

Espero que tenham gostado da minha playlist e adoraria receber sugestões das músicas favoritas de vocês nos comentários!

Nicole

1 2 3 273